O que é dependência química?
4 de abril de 2018
Adolescentes e as drogas
25 de maio de 2018

O que a família pode fazer após identificar um dependente

O que a família pode fazer após identificar um dependente químico?

Depois da família ter conseguido identificar um dependente químico, agora chegou o
momento de ela agir a fim de ajudar esse seu ente querido a sair dessa difícil situação.

Familiares precisam entender o que é dependência química

O primeiro passo para a família que quer ajudar é a busca por entender o que é a
dependência química. É importante salientar que esse problema pode atingir qualquer
pessoa, incluindo aquelas que não apresentam nenhum tipo de pré-disposição
genética ou que não estão expostas a esse risco no meio em que vivem.

Depois de entender o problema, a família precisa de ajuda para poder ajudar o
membro que está passando por essa situação. Por isso, será preciso ter muito
controle sobre o comportamento de todos, pois terão que lidar com alguém que está
enfrentando sérias dificuldades. Não tenha vergonha de buscar ajuda!

Limites devem ser colocados para o dependente químico

Agora, é hora de o dependente químico seguir alguns limites. Diga para o usuário que
nenhum dos seus entes queridos estarão por perto quando ele estiver sob o efeito dos
entorpecentes.

Essa pode ser uma alternativa difícil, porém ficará claro para o dependente que
ninguém está feliz com essa situação e esse é um meio de fazer com que ele se
afaste da droga.

Confronto não é o melhor meio de resolver o problema das drogas na família

A família precisa ter muita paciência e não partir para o confronto em nenhum
momento. Não o ameace! A família toda precisa mostrar afetividade, pois isso ajudar
com que ele entenda que é preciso abandonar o vício.

É preciso que fique claro para ele que ninguém está se recusando a ajuda-lo, porém
precisa partir dele esse desejo.

Algumas atitudes deverão ser tomadas frente a essa situação. Os moradores da casa
não devem fazer nada que a pessoa não tenha condições de fazer sozinha. Ele não
deve ser socorrido diante das consequências comuns as suas atitudes.

Muitas famílias, costumam esconder os erros praticados por eles e até tentam afastá-
los de situações que sejam embaraçosas, mas isso não deve acontecer! Quando ele
pedir dinheiro, não dê. É importante ainda que ninguém fique se sentindo culpado ou
fazendo de tudo para que o usuário não tenha acesso a droga.

Essas atitudes serão fundamentais, pois ajudarão todos os moradores a serem
capazes de ter domínio dos próprios sentimentos e a resolver toda essa situação de
uma forma isenta.

Clínica de recuperação precisa ser enxergada como indispensável na batalha contra o vício

Os pais são os que mais sofrem quando veem o filho nessa situação. Contudo, eles
não podem ficar presos ao sentimento de culpa, porque isso não vai ajudar em nada!
O amor deve falar mais alto, por isso é preciso recorrer a uma clinica de reabilitação.

Faz-se necessário ainda que os pais conversem de forma franca e amorosa com o
filho a fim de mostrar o mal que ele está causando a ele mesmo.

Por fim, depois que o dependente já estiver em uma clínica para dependentes
químicos, os pais deverão estar presentes acompanhando o processo, pois o usuário
tende a precisa de apoio e compreensão. Ficou com alguma dúvida? Entre em contato
que a nossa equipe está pronta pra te ajudar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat